terça-feira, 23 de agosto de 2011

Amigos homenageiam professor


Diretores e ex-presidentes do BNDES estiveram no velório do economista



O corpo do professor e economista Antonio Barros de Castro, morto no domingo após o desabamento do teto de seu escritório, no Humaitá, foi enterrado ontem no Cemitério São João Batista. O ex-presidente do BNDES recebeu as últimas homenagens no Palácio da UFRJ, no campus da Praia Vermelha. Além dos parentes, estiveram presentes amigos, como a professora Maria da Conceição Tavares, que conviveu com ele por mais de 50 anos na academia, e o professor Carlos Lessa, também ex-presidente do BNDES:

- Eu o conheci ainda como aluno na UFRJ - lembra Maria da Conceição.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse, em nota, que foi uma grande perda. "Tive a honra de conviver com ele em diversas ocasiões de nossa vida acadêmica e de convidá-lo, logo no início do governo Lula, para a assessoria do Ministério do Planejamento. Tão logo assumi, em 2005, a presidência do BNDES, convidei-o a ser diretor de Planejamento. E desde então sempre o consultava e trocávamos ideias sobre os principais desafios da economia brasileira. O dinamismo do Brasil de hoje deve muito ao professor", afirmou.

O ex-presidente Lula enviou coroa de flores, destacando a contribuição do economista para o desenvolvimento brasileiro e sua capacidade de aliar o conhecimento econômico ao espírito público. Estiveram no velório vários ex-colegas de BNDES: o atual presidente Luciano Coutinho, o ministro Wagner Bittencourt (Secretaria de Aviação Civil), João Carlos Ferraz (diretor de Planejamento), Armando Mariante (ex-vice-presidente) e o ex-presidente do banco Demian Fiocca.

Os embaixadores Samuel Pinheiro Guimarães e Sérgio Amaral, diretor do Conselho Empresarial Brasil-China, do qual Barros de Castro era consultor, também foram ao velório. Os economistas Fábio Giambiagi, Francisco Eduardo de Souza, Fernando Cardim, Aloísio Araújo, Paulo Nogueira Batista Jr. e João Paulo dos Reis Velloso também homenagearam o professor. (Mariana Durão e Clarice Spitz)

O Globo - 23/08/2011 http://www.oglobo.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário